Se ela soubesse o quanto é linda…

O despertador dela toca sempre à mesma hora, e eu acordo sempre mais cedo que ela apenas para deslumbrar a beleza dela.

Ela embrulhada nos lençóis, sempre de barriga para baixo a mostrar aquelas curvas que tanto me fazem delirar. Sem tabus, dorme sempre nua das noites escaldantes com aquele s3x0 bruto que ela tanto adora.

Passo a mão suavemente pelo seu corpo, e ela com o seu sono pesado nunca acorda, apenas com o despertador, quando toca para aí umas dez vezes. Mesmo com o seu mau humor matinal, ela mesmo assim acorda sempre com um sorriso forçado, e dá-me sempre um beijo de bom dia. Levanta-se da cama e eu reparo em cada pormenor do seu corpo, mesmo já o conhecendo como a palma da minha mão. Aquele seio avantajado, sexy que deixa qualquer um boquiaberto, para não falar daquele rabo que eu gosto tanto de beijar.

Eu poderia encontrá-la no meio de uma multidão, apenas com o cheiro daquele perfume a rosas, daquele sorriso de orelha a orelha que ela, mesmo estando triste, o esboça para todo o mundo o ver.

Meu Deus, se ela soubesse o quanto é linda…
E na sorte que eu tenho em puder acordar e adormecer todos os dias ao lado dela. Daquela a quem eu posso chamar de minha.

Ela é bela de qualquer maneira, principalmente quando se mete ao natural. Apenas com uma camisola minha, com o cabelo todo despenteado ou até apanhado com uns fios de cabelo soltos, e sem qualquer maquilhagem, apenas com as imperfeições visíveis, que a tornam tão perfeita.

Ela até é bela quando discute comigo, quando franje a testa e as sobrancelhas, quando mete a mão na cara e quando bate o pé.

Sabe ser mulher, sabe ser dona de casa, sabe ser safada e faz qualquer homem olhar para ela duas ou três vezes, pensando se é real ou se estão a sonhar com uma deusa. Sim, a minha deusa.

Ela é forte, mesmo quando me pede para abrir uma lata para fazer o jantar.
Ela é dura, mesmo quando me mostra o seu lado mais romântico, mais carinhoso, mais meigo, que… Por sorte, só o demonstra a mim.

Ela é tão única, tão especial mesmo com todas as inseguranças parvas que ela tem, que infelizmente qualquer mulher tem mas mesmo sem ela o conseguir ver, ela consegue superar todas as mulheres do mundo apenas com o jeito dela.

Meus Deus, que será que eu fiz para receber esta dádiva? Talvez o tenha feito numa outra vida, porque nesta só tenho feito tudo para a fazer feliz e isso é uma obrigação e não um ato de bondade minha, nem um milagre, nem nada desse género. Porque fazer uma mulher feliz, é bastante fácil, mas muita garotada por aí pensa diz que é preciso um livro para conhecer uma mulher, que dizem que é um livro bem maior que a Bíblia, que dizem que é uma coisa bem difícil, quando é a coisa mais simples do mundo. Saber escutar, saber falar com delicadeza, saber dar o devido amor e valor. Isso são coisas simples, que se aprende com os nossos pais, na nossa família e que com o passar dos anos, parece que nos esquecemos como se o faz. Mas eu nunca o poderia esquecer, afinal, tenho-te tão de perto como exemplo.

Quando chegas a casa já exausta do trabalho, com o cabelo já meio apanhado, já meio solto deitas-te na cama e chamas por mim, sou o primeiro a correr, todos os dias, sem me cansar, e chego à tua beira, faço de psicólogo enquanto me contas os problemas do trabalho e no final dás-me sempre aquele abraço quentinho que me faz perceber que fiz a melhor escolha da minha vida.


RELACIONADOS




PELA WEB

Loading...