Sonhar de Verdade!

Os sonhos só se chamam sonhos, porque a maioria das pessoas se sente incapaz de os alcançar. Penso que o nome deveria ser alterado. Aqueles que sonhamos durante a noite, bastante surreais, tudo bem, o nome encaixa. Mas os sonhos que desejamos de olhos abertos só são impossiveis se não tentarmos lutar por eles. Verdade? Até faz sentido.

Se um sonho é alcançável ou não, só depende de nós, da nossa força de vontade e persistência. Se tentaste umas três vezes e não conseguiste, muda de estratégia, se calhar algo no teu método não está a resultar. Se tentaste uma vez, então desculpa mas…não era um sonho. Era algo que talvez até desejasses, mas não muito.
Por vezes desvalorizamos a palavra “sonho”. Atribuímos o seu significado a coisas que, no fundo, não queremos assim tanto. Essas coisas são apenas um mero capricho do momento. Mas o mal não reside só no âmbito dos sonhos. Várias coisas na vida em geral, que antes possuiam um significado muito importante, hoje são banais (tanto quanto acções, como palavras proferidas).

Para mim, um sonho, não é algo que eu quero fazer e que para tal seja somente necessário levantar o rabo, seja de onde for que eu estiver, e fazer. Para mim um sonho é, por exemplo, aquele projecto que tenho em mente realizar, mas que derivado a vários factores, o caminho se torna complicado, mas que, conseguindo, estaria a viver a minha vida de sonho. Ou então, um exemplo de nível (a meu ver) superior: desejar ser actriz ou cantora (que não é o meu caso).

Qual é o teu sonho?