Será que tu mereces…

Hoje veio-me uma pergunta há cabeça para a qual não tenho resposta.

Será que tu mereces o que eu sinto por ti?

Faço-me esta pergunta todos os dias, de tal forma que nunca obtenho uma resposta certa para esta questão.

Será que faz sentido eu pensar tanto em nós?

Será que isso faz-me bem estar sempre a pensar no que poderia ter acontecido connosco, se eu não fosse tão orgulhosa e tu tão teimoso…

Sempre ouvi dizer que há pessoas que não valem a pena, que não merecem o que sentimos por elas.

Mas o maior problema é convencer o coração disso.

Eu não sei, mas existe duas partes de mim que tem sentimentos diferentes em relação a ti. Uma parte deseja-te e adora-te de um jeito tão estranho que quando cai a noite, eu fico imaginando planos para nós, mas a outra parte, fica mais reticente e questiona-me se vale a pena ser para ti aquilo que eu desejava que fosses para mim…

Será que tu mereces tudo aquilo que eu sinto por ti? Será que esse teu jeito de ser que tu tens é só comigo ou é com toda a gente? Será que tu guardas um espaço para mim na tua vida como eu guardo para ti?

Não quero que pensem que eu quero alguém perfeito, porque não quero. Eu só quero ter alguém que dedique o seu máximo, que me compreenda e que goste de mim tal como eu dele, e contigo eu não tenho a certeza de nada , simplesmente não consigo ter.

Tu simplesmente não me dás a segurança de mais que um mês. Eu fico sempre com aquele medo de que quando chegar o final do mês vai tudo acabar, acho que isso assusta-me e faz-me ser cada vez mais “pé atrás” com tudo.

Ás vezes, penso que o meu jeito de ser assusta-te, e todo o carinho que dou-te sufoca-te.

Podes pensar que estou a delirar  ou que estou a dizer asneiras, mas não imaginas o quanto tenho pensado nisto tudo .

Talvez o problema esteja em nós mesmos, talvez eu esteja alimentando algo que não vai acontecer mais.

Se queres que te diga eu já não sei de mais nada, a única coisa que tenho a certeza é que quero ser feliz com alguém, só não sei se esse alguém és tu. Por mais que eu queira que sejas tu, eu não posso decidir isso, só tu o podes.

Só tenho mais uma pergunta, será que eu estou a gostar sozinha de “nós”?

Se tu soubesses o turbilhão que a minha cabeça está, são tantas as perguntas, que eu cada vez sinto-me mais confusa e acho que estou a complicar as respostas de todas estas perguntas,  afinal eu não teria nenhuma pergunta se tu me dissesses tudo que sentes em relação a mim, se tu me fizesses acreditar em alguma coisa…

Deves achar-me maluca por dizer isto mas eu sempre achei que nós éramos como o sol e a lua, estávamos destinados a ficar juntos, apesar de todas as dificuldades e diferenças, mas pelos vistos, as diferenças e as dificuldades venceram…

De uma coisa eu lembro-me bem, tu disseste que eu era linda e que apesar de tu seres bonito havia rapazes mais bonitos do que tu, por isso não percebias o que eu tinha visto em ti, por isso eu agora digo-te, tu podias não ser o rapaz mais bonito do mundo, mas eras o que fazia o meu mundo ser mais bonito e a minha vida mais bela e colorida…


PELA WEB

Loading...