Seja sua própria musa!

Sophia Loren, uma das mulheres mais lindas de todos os tempos já dizia:

“Nada torna uma mulher mais bonita do que a própria crença em ser bonita.”

Quando estou num local, seja consultório médico, loja, praça de alimentação, e uma bela mulher passa por mim, olho pra ela no máximo 5 segundos e volto aos meus afazeres. Agora, quando uma mulher confiante entra, haaaaaa minha amiga, impossível não cuidar sua forma de andar, seu olhar, a forma como se dirige aos demais, e daí sim, lá se vão bem mais que 5 segundos.

Geralmente essa mulher nem é a mais deslumbrante e linda que eu já vi, mas está trajando o seu maior trunfo, e ele não é importado, muito menos coberto de ouro, normalmente é até gratuito, A FAMOSA CONFIANÇA.

Esse é o tipo de predicado que não se perde com o tempo, como a beleza, por exemplo.

E daí você me pergunta: “TÁ O ESPERTINHA, COMO ADQUIRIR A CONFIANÇA?”

Vamos começar com princípios básicos amiguinha

Projete sua confiança

*mostre aos demais que você se respeita

*vista-se pra si mesma

*SEJA SUA PRÓPRIA MUSA.

Com confiança você cria uma identidade própria, cria o seu estilo, você aprender quem você é e a imagem que você quer passar ao mundo. Você se aceita, não quer ser mais alta, ou mais baixa,(mais magra todo mundo quer, acredito que até as confiantes).

Muitas das mulheres confiantes de todos os tempos não eram lindas de morrer, mas revelavam-se por meio da auto-confiança.  Eram bonitas sim, mas porque elas acreditavam e projetavam isso. Não permitiram que os outros definissem isso: elas próprias definiram.

Tenho profunda admiração pelos “ícones imperfeitos”, garotas que não condizem com os padrões de beleza. Mulheres que, com certeza, não estampariam as capas da playboy, ELLE e Vogue, mas… quem disse que elas gostariam disso? Elas acreditam na própria beleza, isso basta. Os demais acabam apenas concordando. Mulheres assumindo seus cachos, colocando uma grande flor na lateral da cabeça, mulheres de peito 36 ostentando belos decotes, moças de quadris largos usando saia justas. Esse é o tipo de mulher que abraça a sua imperfeição, torna-se aliada de si, define o seu caráter, seu espírito, sem perguntar aos demais.

Nada cai melhor numa mulher do que esse ar de confiança.

Auto-confiança nada tem a ver com estética, é tudo questão de atitude, de tomar as rédeas da sua vida. Uma mulher confiante se ama por inteiro.

Viva Frida Kahlo e suas sobrancelhas grossas, Madonna e seus dentes frontais separados, Negra Li e seu Black Power.

Você é uma musa, que tal tratar-se como tal? Só depende de você. Cuide-se com muito carinho, pois ninguém pode fazer isso por você. Adore-se, admire-se em frente ao espelho. Aos poucos, e sem dúvidas, vai se sentir no seu pedestal e vai ser exemplo para as demais.


RELACIONADOS




PELA WEB

Loading...