QUANDO EU ENTRAR!

Quando eu entrar na sua vida, não vou bater na porta e nem avisar que chego em cinco minutos. Quando eu entrar, quero te pegar de surpresa. Descalça e dançando no tapete da sala. Discutindo com a previsão do tempo. Desafinando no chuveiro.

Quando eu entrar, você vai estar pronta. Não pronta pra aquela festa na Lapa, pra pular de asa-delta, pra assumir a presidência. Mas pra escrever a sua própria vida, ao invés de deixar que façam isso por você.

E quando isso acontecer, você vai aprender a voar com os pés no chão e a perder o medo de altura. Porque é lá de cima que você vai perceber a imensidão que te espera. O mundo é de ninguém e você vai saber disso. Mas vai fazer de tudo para sentir que no fundo você é um pouco dele. Ninguém vai poder te segurar porque você não se segurará em ninguém. Vai correr com as próprias pernas. Não vai se desequilibrar tão fácil assim. Às vezes pra não cair no chão molhado, outras pra mandar algumas pessoas àquele lugar. Você vai ter a primeira palavra e a última também, e todas as que quiser soltar na hora.

Nessa história, você quem vai ditar o roteiro, escolher os personagens, fazer luz e ação. Se ver mocinha, vilã, fada madrinha ou figurante, se der na telha. Você vai se reinventar e inventar uma desculpa se for preciso. Porque você não vai se contentar em ser apenas essa menina com 18 e meio de muita história pra contar.

Num dia vai acordar com vontade de cortar o cabelo, de tingir de preto, de comprar uma saia curta, um livro novo, de não julgá-lo pela capa e as pessoas também. No outro vai querer aprender latim, comprar uma passagem só de ida pra Patagônia e pegar uma carona na volta. Vai virar vegetariana, aprender um mantra e depois a gostar de presunto. Virar cigana, feiticeira, garota de Ipanema.

E a cada página virada você vai querer brincar comigo. Vai me deixar te procurar entre o lençol no meio da noite e a sentir o seu cheiro percorrer da minha cabeça até a ponta do pé enquanto rabisca cada parte de mim. Vai me tornar escritor, professor de alemão, flamenguista, mafioso libanês, guitarrista. Ou tudo junto. Porque você vai ter oito vidas em uma ou até mais, se duvidar.

E, quando eu entrar, vou estar em todas elas.


RELACIONADOS




PELA WEB

Loading...