Preconceito, Diga Não!!

Hoje a razão pela qual eu escrevo,
É em luta pelo preconceito,
Não pode haver medo,
Mas também não tratem as pessoas como se tivessem defeito…



Sempre ouvi dizer,
Todos diferentes mas todos iguais,
Por isso esta luta irá prevalecer,
Até as pessoas deixarem de ser superficiais…

Gostar de alguém do mesmo sexo,
Não é nenhuma preferência,
Nem nenhuma escolha,
Não se ponham com julgamentos sem nexo,
Quem anda à chuva se molha,
E essas pessoas tal e qual como nós merecem a existência…

Não é por não terem as mesmas orientações,
Que iremos menosprezar essas pessoas,
Por isso deixem-se de Sermões…

Nestes casos,
O apoio da família é fundamental,
Apesar de ficarem um pouco passados,
Contar com o seu apoio é sempre essencial…

Deveríamos ser pessoas de mente mais aberta,
De alargar os nossos horizontes,
Se a comunidade fosse esperta,
Deixava de lado os insultos…

Este poema tem um propósito,
Dizer a todos os meus amigos para não deixarem de lutar,
Eu estarei aqui para os apoiar,
E ajudar contra o preconceito lutar…


RELACIONADOS




PELA WEB

Loading...