Os nossos verdadeiros melhores amigos!

Porque eles são os nossos melhores amigos e nunca vamos encontrar algo melhor do que eles.

Temos muito a aprender com os animais, eles conseguem ter muitas mais qualidades do que muita gente que anda neste mundo não têm, nunca se queixam da própria sorte, azar ou destino que a vida lhes deu, nunca se vão mostrar insatisfeitos e nunca nos vão aborrecer a falar dos seus problemas, culpas e obrigações.

Não falam a nossa língua, mas sentem tudo com mais intensidade.

Eles são simplesmente verdadeiros, únicos, genuínos e principalmente são fiéis e sinceros, vão sempre nos ouvir, animar, fazer esquecer todos os problemas.

São simplesmente os nossos melhores amigos e de facto são eles que nos amam incondicionalmente, e nós humanos só temos de fazer merecer a amizade deles, e oferecer o mesmo amor, carinho e amizade que eles nos dão.

Os nossos verdadeiros melhores amigos não se importam se somos ricos ou pobres, brancos ou pretos, não reparam se nos vestimos bem ou mal, se lhes damos presentes ou não.

A verdade é que realmente só querem saber de nós, só se preocupam de forma verdadeira conosco, eles só querem saber se tu chegas realmente a casa e nem se vão importar caso tenhas-lhe ralhado de manhã, se vens ou não chateado ou atrasado, o mais importante é quando estás do seu lado.

Eles nunca nos vão mentir, nunca nos vão deixar na mão ou sozinhos, não nos vão trocar por outra pessoa ou por umas férias bem passadas num sítio qualquer, a única coisa que vão fazer é amar, amar sempre pelo que somos e não pelo que parecemos ser, só nos vão dar o seu melhor porque ter um dono que os ama e que os quer é o que os faz mais felizes.

Os nossos verdadeiros melhores amigos vão fazer nos sentir que somos alguém, que somos as melhores pessoas do mundo mesmo quando sentimos que não somos nada nem ninguém, eles nunca nos abandonam mesmo nos nossos piores dias, somos sempre nós, os humanos que os abandonamos, por este ou aquele motivo, inventamos sempre desculpas para desculpabilizar os nossos actos, para abandonar, agredir, ou maltratar os nossos melhores amigos, e esquecemo-nos dos grandes momentos que com eles partilhamos, da vida e da confiança que eles nos depositaram.

Como é possível maltratar-mos esses pequenos seres vivos? Como é possível sermos tão maus, tão ruins, tão criminosos ao ponto de chegarmos a pegar num animal, olha-lo nos olhos, fazer-lhe festas e depois metê-lo no carro sabendo que o vamos abandonar numa rua ou estrada qualquer a correr risco de vida e a mercê da sua própria sorte?

Que tipo de pessoa é capaz de fazer isto?

Que tipo de pessoas somos nós?

E quando não for um animal?

Se for alguém da nossa família, alguém de quem temos de cuidar, de tratar, que já não veja ou ouve bem, ou até mesmo que já não possa andar, também vamos fazer o mesmo?

Quem maltrata os animais, também consegue fazer bem pior.

Eles é que são chamados de animais mas animais somos nós que não respeitamos a vida e os direitos destes pequenos seres vivos que não tem culpa nenhuma de terem nascido, e que a única coisa que nos pediram foi o nosso amor e um pequeno espaço nas nossas casas e nas nossas vidas! Tenho dito!


PELA WEB

Loading...