Nunca se sabe o que o futuro nos guarda…

Já faz tanto tempo, que tem horas que seu rosto me foge da memória, é como se não fosse te reconhecer . Me pergunto tanto como seria, iríamos nos reconhecer?

As  vezes acho que te daria um tapa, por demorar tanto para me ver, mas tenho absoluta certeza que seria um lindo beijo, o beijo que ficou faltando na nossa despedida no aeroporto, e com sua promessa que viria me ver comprida, gostei tanto de escutar aquelas palavras, mas doe muito, elas nunca terem sido cumpridas.

Se tem algo que aprendi com esse amor é que saudade não dói,  saudade destrói, tudo, nos mutila por dentro. E muito pior que qualquer decepção ou qualquer ilusão, muito pior do que quando uma das partes termina,  é quando o amor não pode dar certo e ambas as partes querem, muito pior quando é a distância que impede.

Quando o amor mesmo recíproco e maravilhoso não pode ser vivido.

Nunca fui de me apaixonar, não sou até hoje, tanto que acho que nunca amei ninguém depois de você, como amei a ti. Me pergunto se algum dia virei a amar, espero que sim pois não a nada mais belo que o amor, quando você resurge em alguma rede social ainda sinto meu rosto corar e meus lábios darem aquele sorriso que é só seu, meus amigos até já sabem quando estou falando com  você só de ver o sorriso, eu sei que todo esse amor deve morrer, mas quando mais tentei mata lo, mais me destruí. Foi aí que aprendi que ele não deve ser destruído, deve ser guardo numa gaveta funda no lado direito do coração, bem seguro e protegido sem me machucar ou atrapalhar o meu futuro.

Por mais que eu quisesse que fosse o nosso futuro, essa realidade me parece muito distante, por mais que doa preciso viver a minha vida, sei que deve machucar-lo me ver feliz com outro, mais saiba que não deixei de te amar, seu amor está aqui num canto, esperando quando será a vez dele, quem sabe ainda não estaremos de mão dadas com nossos amigos em volta nos jogando arroz? Nunca se sabe o que o futuro nos guarda, seja feliz, que eu também serei. Te amo.

PORAnónimaBC
Partilhar é cuidar!