Não é ilusão…

"Aqui estou eu, para dizer que lamento desiludir, mas consigo realmente seguir sem ti."

Noutro dia perguntaram-me se eu seguia em frente, inteira, sem ti.
Respondi que sim.
A pessoa disse que achava que não… que apenas me estava a tentar iludir.
Que apenas estava a tentar esconder o que sentia.

Disse-me que estava a enganar-me e a tentar enganar os outros.
Pois bem…
Aqui estou eu, para dizer que lamento desiludir, mas consigo realmente seguir sem ti.
É.
Eu amei-te.
Sim, ainda esta aqui um resto qualquer desse sentimento.
Vai sempre estar.
Mas consigo seguir sem ti.
Amar outra pessoa.
Ser feliz.
Consigo e vou faze-lo.
Não.
Não é ilusão nem me estou a enganar.
Sabes porque ?
Porque sei que fiz tudo por ti e tu não quiseste.
Essa pessoa abanou a cabeça e disse que bastava estalares os dedos que eu voltaria para ti.
Sorri.
Não.
Isso também não é verdade.
Em tempos seria.
Sim, em tempos tiveste esse poder sobre mim.
Mas não agora.
Virei a pagina.
Em relação a ti, a mim e a nós.

Virei.
E esta nova página é sobre mim.
Sobre ser feliz.
Sobre amar e ser amada.
Mas não por ti.
Nem contigo.
Não me estou a enganar, nem a iludir.
Não tento enganar os outros.
Já não te quero.
Mesmo que tu quisesses.
Já não te quero.
Nem dado.

PORPatricia Rebelo
Partilhar é cuidar!

PELA WEB

Loading...