Não a percas!

Não sei se devia estar a escrever algo para ti visto nem conhecer-te, mas já que pensei vou falar-te.

Não te conheço mas espero vir a conhecer, quereria dizer que deu tudo certo. Afinal, conseguiste algo que muitos queriam, o amor, a atenção, o carinho dela, mas começo antes por te lembrar quem irás ter a teu lado.

Não vai ser fácil entendê-la a toda a hora. Por vezes tem pancas e sinceramente é louca, mas é o que a torna tão única. E digo isto porque a conheço realmente…

Mas temos uma amizade que inveja a muitos, o que já me dou por contente. Não precisas de me levar como uma inimiga, ela não sabe nem metade do que falei neste parágrafo.

Falo-te de quem merece todo o respeito, carinho e amor.

É uma rapariga solta, que sabe o quer, é determinada, diria até que é invejável, mas ela não sabe. É especial e gosta de fazer as pessoas sentirem-se assim, aposto que sabes o que quero dizer. Não pede muito. É bem simples até. Não gosta de dar nas vistas e mesmo sem dar, todos olham.

Ela é bonita, correria o risco que dizer que é das raparigas mais bonitas que conheci até hoje e tem um coração que vale ouro. Não o quebres.

Adora surpresas e fá-las com frequência aos outros, aos que ela considera “seus”.

Mas o dom dela é mexer com as pessoas. Mesmo sem querer ela vai mexer contigo como nunca sentiste ninguém a fazê-lo.

Ela não é o estilo de rapariga sensível, é durona e vai mostrar-te isso até ao fim, no início vais reparar que vai andar de “pé atrás”, não é por mal é só porque já sofreu bastante. E tem um orgulho maior que o mundo. Mas é bom.

Se ela realmente se apaixonar por ti, não vai ter zanga que ela não dê o jeitinho, porque a falta será maior que o orgulho.

É das melhores raparigas que vais conhecer e acredita, não vais querer largá-la. Estou a falar-te dela mas não é como se de bandeja a entregasse.

Estou a mostrar-te os motivos pelos quais no primeiro dia que a viste ter parecido que encontraste a metade que te faltava, que andava por aí à espera de ser encontrada e que te fez arriscar a falar. Lembro-te também que a tens de conquistar. Cada dia. Mesmo que ela te olhe com aqueles olhos de quem está completamente caídinha.

Ela não se entrega logo e não se vai mostrar toda de uma só vez. Tens de lutar para conheceres verdadeiramente a fantástica pessoa que ela é. E assim que perceberes não vão restar dúvidas.

“E Eu?” Deves estar tu a perguntar… sou a melhor amiga dela e acredita, saiu-te a sorte grande, Não a percas!

PORVanessa Tusto
Partilhar é cuidar!