Mundo Escondido…Ou uma Vida de Faz de Conta!

Aparentemente somos todos felizes, as nossas máscaras têm um sorriso desenhado com tinta permanente. Toda a gente nos olha por fora, mas ninguém tem coragem de nos ver por dentro, ver o que realmente somos.

Ninguém repara na tristeza que trazemos no olhar, não sabem das angústias que vivem escondidas. Por trás desse sorriso, há um mundo que todos desconhecem. É uma espécie de país das maravilhas, mas sem as maravilhas, talvez seja o país das desilusões. E tu fazes o papel da Alice que cai num buraco e conhece as profundezas da dor. Não há maravilhas, não é um lugar colorido e mágico, é cinzento e escuro onde a tristeza é rainha e tu és um mero e insignificante súbdito.

Ninguém precisa de saber o que guardas nessa cave sombria, ninguém precisa de ser atormentado pelos teus fantasmas. Por isso trancas a porta desse mundo, para que os monstros não saiam por aí correndo.

Vives uma vida dupla, aquela que mostras para o mundo e a que habita dentro de ti no submundo da tua alma. Mas quando todos te abandonam, desces no elevador da dor e embarcas no comboio das desilusões.

Ninguém sabe, mas és uma pessoa solitária presa no teu próprio interior. As raízes da angústia envolvem-se em ti, fazendo-te prisioneira da própria pele.

Apesar de tudo, passas o dia a sorrir para que ninguém note o quão destroçada estás por dentro. Esforças-te tanto para pareceres bem que começas a acreditar na tua mentira. Tens medo de perder o encanto, caso todos te vejam por dentro, vejam o imenso oceano de amarguras que transborda na tua alma.

O que precisas é de alguém que te dê a mão e te salve deste país das desilusões, que lute ao teu lado contra os teus medos. No entanto, não é fácil encontrar uma pessoa que esteja disposta a isso, são poucos aqueles que aceitam a tua escuridão.

Ninguém quer amar uma pessoa destroçada, mas esquecem-se que para montar um puzzle é necessário fixar todas as peças. Assim acontece connosco, estamos destruídos em pedaços, mas só precisamos que alguém nos reconstrua.


PELA WEB

Loading...