O mundo era um lugar melhor se não existissem religiões!

Não é a existência de um Deus que torna a humanidade pior, mas sim as religiões.

Que humanidade é esta que acredita que está errado dar sangue? Que nascemos pecadores e vivemos atormentados com a ideia de ir para ao inferno. Que homens se matam porque tem uma recompensa irrecusável depois de mortos. Que Deus precisa de dinheiro. Que acredita em cada vírgula contida em livros inteiramente escritos por homens. Que humanidade é esta que anda com Deus no coração e com armas na mão?

Estamos a atravessar uma era de medo, opressão, dúvida, um tempo de omissão, odio, dor, e tudo em nome de Deus – dizem eles.

Existe tanto amor por Deus e tão pouco pelos que caminham ao nosso lado. Não deveria de ser ao contrário?

O que é que as religiões ensinam? O que raio se prega por aí? Acham-se proliferadores de amor no entanto alimentam ódios, discriminações, dúvidas, perguntas sem resposta, sacrifícios e tudo em nome de que? De Deus, que dizem que é o mesmo, no entanto o que pregam sobre ele é completamente diferente.

Não é uma crítica. É um chamado de reflexão. É tempo de contornar os cérebros mais blindados. O mundo era mais bonito se houvesse um Deus para todos. Se todos fossemos Deus, sem religiões, a mesma crença, o mesmo amor. É hora de humanizar Deus. Pray for humanity.

PORInês Castro
Partilhar é cuidar!

RELACIONADOS




PELA WEB

Loading...