Ela: Mulheres não choram, não por idiotas.

Ela já viu a vida a desmoronar-se mesmo à sua frente. Já viu algumas das pessoas de quem mais gostava irem embora sem uma palavra sequer. Já viu outras a atraiçoarem a sua confiança. Já perdeu umas poucas de noites a imaginar o que seria dela na manhã seguinte. Já parou para pensar e chegou a conclusão de que pensar em demasia, f*de tudo. Aprendeu que ter o coração partido dói, parece o fim do mundo.

E vai doer mais do que alguma vez te doeu, e vais chorar, cerrar os punhos de raiva até que as lágrimas simplesmente caiam, vais gritar tudo o que te dói. Vai doer para c@r@lho, mas vai passar. E quando passar, perceberás que foi apenas uma consequência de teres amado tanto, tal como ela percebeu.

Ela já viu o tempo passar e alguns momentos a ficarem para trás. Já disse «adeus» mais do que uma vez e não sei quantos «Olá». Já viu as lágrimas escorrerem sem motivo aparente. Já viu crueldade num simples olhar. Já sofreu, já chorou, e já se levantou, até mais vezes do que o que desejava. Mas de seguida vem a saudade, e ela já sabe a história de cor.

Vais sentir saudade, vão-te apertar no peito, sufocar-te, cortar as palavras e impedir que as lágrimas escorram, e mesmo assim, até isso vai passar, tal como tudo. E hoje, ela sabe disso.

Tudo passa, a parte boa de sofrer é que a dor vai desaparecendo. Não foi o fim do mundo, apenas mais uma lição.

E como ela me disse uma vez, passo a citar: «Mulheres não choram, não por idiotas.»

PORRachel Stefan
Partilhar é cuidar!

PELA WEB

Loading...