Insisto em te amar!

A verdade é que eu acreditava no amor, eu acreditava que tudo era um conto de Reis e Rainhas e pouco ou nada podia destruir algo que o amor constrói pela força de duas almas apaixonadas, sempre conheci o amor como uma força natural que nasce de dois corpos diferentes mas que se forma numa só alma, assim éramos nós, até o deixarmos de ser.

Eu ainda não desisti de acreditar que há um presente que por direito ainda nos pertence, ainda não desisti de acreditar que haverá um futuro que esse caminho chamado presente nos indicará, a verdade é que simplesmente não deixei de acreditar em nós, mas hoje duvido um pouco do amor, a verdade é que a vida nos tem pregado rasteiras imensas vezes e de todas elas eu tenho-me levantado com vontade de seguir em frente, mas não sem ti, nunca me imaginei a seguir caminho sem a tua presença assídua na minha vida!

Não importa se me chamarem louco por eu acreditar em algo que à partida já é dado como perdido, não me importa o que pensam os outros ou todas as opiniões que eventualmente possam surgir, não me interessa se existem mil e uma razões para desistir de ti e se sou confrontado com elas dia-após-dia, nada disso me irá deter porque eu sempre acreditei no amor, até tu fazeres parte da minha vida, hoje vivo na dúvida, mas uma certeza eu continuo a ter, é que mesmo indo contra todas as minhas vontades, eu insisto em te amar!