Game Over!!!

Sempre soube que eras viciado em jogos, mas não ao ponto de tornares a tua própria vida num. Tornaste-me apenas mais uma personagem nesse teu jogo do amor. Usaste-me como um escudo que te protegia de tudo e todos, que te ajudava a ultrapassar os obstáculos, que te defendia perante os “maus da fita”. Mas nunca pensaste que todo o escudo, por mais forte que seja vai-se desgastando ao longo dos anos e um dia acaba por ficar fraco demais e deixa-se atravessar pela flecha e cai ao chão.

E eu caí, eu caí e escolhi ficar no chão, porque neste jogo não há o “play again”. Desta vez foi mesmo o game over.

PORA Imperfeita
Partilhar é cuidar!