Foi uma boa história, uma boa história para ser contada…

Eu um dia disse, que a nossa história não era para ser contada. Ele disse que era uma boa história. Nunca se sabe o que o destino tem reservado para nós. Na minha opinião, ele gosta de pregar partidas. Partidas boas, com finais tristes.

Um final triste não significa que seja mau, significa que era bom de mais para ter acabado assim. Pelo menos neste pequeno pedaço da minha vida.

Sei que irei sempre lembrar-me do sorriso dele, do calor do corpo dele, das noites que passei com ele. Mas não passarão de recordações. Sei que a vida não passa de um monte de lições que nos fazem aprender. E aqui estou eu, a aprender de novo. Cada dia que passou, cada mês…

Foi uma história curta, mas com tanta intensidade que me custa até escrever sobre ela. Custa-me pensar que nunca mais vou ouvir a tua voz, nem sentir o teu toque. Nem uma caricia. É doloroso? Sim. Mas a vida continua, e quem sabe daqui a uns anos, não seja afinal, uma história para ser contada.

Ainda sinto o teu cheiro. Ainda me lembro da primeira vez que tivemos juntos. Sou louca por ti. E acho que não vou deixar de ser tão cedo. Vou sentir a tua falta até ao dia em que deixar de sentir.

Sou apaixonada por ti, paixões dolorosas com sentimentos confusos. Imaginar os dias que se seguem sem falar contigo, sem estar contigo. Acho até das discussões vou sentir falta. Nunca fiz, nada mais que ser honesta contigo. Nunca te escondi nada, e o que eu esperava era que tu não te fosses embora.

Sei que não sou perfeita, mas sou única. E alguém, um dia.. Ira ver isso em mim. Se não foste tu.. Bem eu queria que fosses tu. Porque não me imagino a não gostar de ti. Não me imagino a achar-te indiferente.

Foi uma boa história. Eu consigo ver isso. Foram bons momentos únicos que me davam a sensação de Felicidade. Foi uma história para ser contada.

Um dia…