Por isso fica, fica e vê-me ser livre!

Não sou princesa nenhuma e sabem bem. Mas imaginar que seria um reagente adicionado à química explosiva da vida de alguém, atenuando alguns dias de precipitação e escapatória a certas reações adversas, o refúgio de uma experiência sem sucesso … todos sabemos que pessoa que se preze sabe melhor do que isso, o meu orgânico amor-próprio é um repelente natural desse pensamento.

O descobrimento de mim própria é uma meditação diária, as conclusões que me constituem, colhidas de experiências que vivenciei, como sou determinada e lutadora. Julgam que me tenho toda resolvida, e por maiores que sejam as dúvidas ou os momentos sem fé, vêem em mim que mesmo no dia mais escuro, há luz que brilha nos meus olhos, guiando pela noite. Posso não saber sempre o que fazer ou o que vem a seguir, mas não cruzo os braços e certamente não os cruzo por ti.

Por isso fica, e mais uma vez vou provar a mulher que sou. O mundo é pequeno e certamente nos iremos cruzar de novo, e vais ver, ver o meu sorriso que contém mais mágoa que muitas lágrimas, os meus olhos grandes que falam mais que muitas palavras, vais ver e vais saber que na vida nem tudo é vitória ou derrota, nem sempre se ama ou se odeia, nem tudo é explicável.

Algures entre isso ficaram as batalhas que não foram travadas, a paz por ausência de conflito, a serenidade por cansaço, os corações inquietos que compreendem de mais para detestar, aqueles que sabem melhor que desperdiçar energia a guardar rancor por chama que não chegou a amor, desabafos de almas aprisionadas em si próprias. Por isso fica, fica e vê-me ser livre.

Por isso fica, fica e vê-me tornar no diamante bruto que sou, pronto a ser esculpido por quem estiver disposto a lutar contra as minhas inseguranças, a abraçar os meus desesperos, a extraditar os meus medos e a tranquilizar as minhas noites agitadas. Já sou feliz, ainda assim vou encontrar muito mais que me complete, que me torne mais eu.

PORMaggie
FONTEDayDreaming
Partilhar é cuidar!