Faz-me esquecer…

Deixar-te ir,foi sem dúvida a pior decisão que já tomei!

O que interessa se nunca mais falarias comigo,se nunca mais me tocarias, pelo menos eu tinha-te ali, à distância de um esticar de braço, à distância de uma viagem, à distância de um amor correspondido…

Sinto a tua falta, sinto tanto a tua falta….

E como custa dizê-lo,como custa senti-lo!

Desculpa por te ter feito ficar tanto tempo,quando já tinhas ido… Só não queria aceitar,entendes?

Só não queria aceitar… Não queria perder-te… Não quero perder-me….

Não queria deixar ir a única pessoa que me fez querer ficar!

A única pessoa que me permitia ser eu, e eu era eu! Eu era completamente eu, contigo!

Volta, e abraça-me como só tu o sabes fazer, deixa-me ficar nos teus braços e reconforta-me, reconforta-me por um minuto, um dia, ou se possível mais uma vida!

Abraça-me e faz-me esquecer que é o último, que te foste,faz-me esquecer que te foste… Faz com que deixe de querer ir também… Faz-me ficar e esquecer o desligar das máquinas….

Faz-me querer continuar, e esquecer toda a dor….

Faz-me tua, mais um minuto, mais uma hora, mas faz-me tua mais um pouco…

O que sou eu,quando não sou tua?

Não sou ninguém, e existem tantos ninguéns por ai, que não me quero tornar em mais um…

Não quero ser só mais uma pessoa que perdeu o seu verdadeiro amor,quero ser aquela que o têm, mesmo que ele não lhe pertença  mais…. E tu já não me pertences mais…