Escolhi ser uma mulher livre, e tu?

Sou, diversas vezes, apelidada de “convencida” e “egocêntrica”, tudo porque demonstro e sinto uma enorme confiança em mim, enquanto ser humano e mulher.

Talvez faça alguma confusão à nossa sociedade uma jovem rapariga ter um amor próprio tão grande e puro, ter tanto orgulho e brio nela. Não vou dizer que sou a única porque felizmente existem mais umas quantas assim, mas sinceramente faz-me confusão sermos vistas como《as miúdas que acham que são a última bolacha do pacote》. E tudo isso porquê? Por me olhar ao espelho e gostar da imagem reflectida?!

Não sou perfeita, mas amo aquilo que vejo, amo aquilo que sou. Amo, sobre tudo, a menina mulher em que me tornei. E não estou a falar do físico. Não, eu sou muito mais do que uma cara bonita, um corpo ou um “big ass”. Eu sou decisões e escolhas, sou vitórias e derrotas. Sou bom e mau, sou pensamentos. Eu sou amor. Amor incondicional e verdadeiro. Mas a mim, acima de tudo amor ao meu ser.

Eu sei o que valho e as minhas capacidades. Conheço-me como ninguém mas mesmo assim consigo sempre surpreender-me. Tenho orgulho pela força e garra que existe no meu ser, a vontade que sinto em vencer na vida e provar que consegui. Quero mostrar que toda a minha confiança e determinação faziam sentido.

A sociedade que me desculpe todas as vezes que agradeci ao receber um elogio em vez de dizer algo do género 《ai que simpatia, mas não sou》; que me desculpe quando ignoro os assobios e piropos que ouço no dia-a-dia. A sociedade que me desculpe por todas as noites que não passei em claro e pelas lágrimas que não verti por aquele moreno com ar de engatatão não me ter valorizado; que me desculpe todas as vezes que não fui “menina bem comportada” e fiz ou disse aquilo que me apetecia. A sociedade que me desculpe todas as vezes que sabia falar de moda com as minhas amigas e das outras vezes que sabia também o que dizer acerca de política ou da situação económica do país com o meu pai.

Peço desculpa, mas eu sou mulher! Uma jovem mulher livre, com opinião formada e com a plena certeza que quem manda no meu nariz e na minha vida sou eu!


PELA WEB

Loading...