Escolhe Um Número E Aprende Como Combater O Teu Tipo De Gordura Localizada!!

Cada vez existem mais casos de obesidade, mas existem várias formas de a tratar, basta para isso saber identificar o tipo de obesidade que temos.

Se és das muitas pessoas que não se sente bem devido a este problema, então nós ajudamos-te. Basta identificares o teu tipo de obesidade e leres abaixo a estratégia ideal para a combateres… 😉
Screenshot 2016-04-28 02.51.02

1. Alta Obesidade Corporal

Isso normalmente significa que estás a comer demais e não fazes exercício físico o suficiente. Tenta cortar nos doces, e tenta exercitar-te 30 minutos por dia. Se isso não ajudar, consulta um profissional de saúde.

2. Obesidade Centrada no Estômago

O peso extra nesta área pode ser causado pelo stress, a ansiedade ou a depressão. Emparelhamento de exercícios e técnicas de relaxamento podem ser o melhor método para corrigir esse problema. Mais uma vez, procurar a ajuda de um profissional de saúde ou terapeuta é o mais aconselhado.

3. Obesidade Corporal Baixa

Este é um problema comum para a maioria de mulheres. Exercícios que incorporam treinamento de resistência inferior do corpo, emparelhado com exercícios cardiovasculares, são essenciais para remover este problema de gordura. Esta área pode ser difícil. Não hesites em pedir ajuda.

4. Inchaço Estomacal

Gordura nesta área pode ser causada pelo consumo excessivo de álcool e/ou dificuldades respiratórias. Tenta reduzir o consumo e a quantidade de álcool e foca-te em alguns exercícios de respiração.

5. Obesidade Corporal Baixa que inclui Pernas Inferiores

Isso ocorre mais frequentemente em pessoas que estão grávidas. As pernas podem estar inchadas. Tenta fazer hidroginástica para tirar a pressão das articulações das pernas e pés, e sentares-te com os pés levantados.

Vê também: Top Dos 6 Hábitos Que Mais Causam Gordura Abdominal!!

6. Estômago Saliente com Parte Superior das Costas

Nesse caso é a inactividade que faz a gordura ficar localizada. O exercício é vital, mas mantém os níveis de açúcar no sangue estáveis. Não fiques muito tempo sem comer e tenta comer em pequenas quantidades.

PORsemprequestione
Partilhar é cuidar!