És Tu porque só podes ser Tu…

O meu coração levita, enquanto tenta conter as suas batidas aceleradas. Há quem lhe provoque esta felicidade tão pura, que quase parece um sonho, algo sem explicação, ou até mesmo magia.

Nesta vida há coisas que simplesmente se sentem e se sabem. Eu sei(-te), eu sinto(-te), eu sei que és tu o único que me faz voar, que acende a chama do meu coração e o faz bater tão intensamente que quase me sai do peito. És tu porque só podes ser tu, quem me faz sorrir durante horas, sem serem precisas piadas, apenas por estares ali comigo, apenas por sorrires para mim, apenas por seres meu.

Quando a noite cai e me deito na cama, és tu quem aparece na minha mente a passear, a sorrir para mim. E em noites sortudas és tu quem me embala, quem me adormece com beijos e carícias, e os meus olhos vão-se fechando lentamente enquanto oiço o teu batimento cardíaco encostada ao teu peito. E o inverno, que é tão quentinho contigo ao invés de uma lareira?! Não preciso de fogo, ou de mantas, tu aqueces-me com um simples toque, um único beijo ou a tua presença.

É assim que eu sei que só podes ser tu. Nos simples momentos da vida, em que a chuva cai lá fora e nada parece fazer sentido, em que o chão está a fugir mesmo por debaixo dos nossos pés… És tu quem me conforta, quem combate com a tempestade para que o sol volte a brilhar para mim. E só podes ser tu.

Quando as músicas se escolhem aleatoriamente e, mesmo assim, se agregam tão bem aos meus sentimentos. És tu, a história de todas elas.

E quando na solidão dos dias e da noite eu sinto falta de algo, de um abraço, de alguém que me deseje e me ame. És tu. E só podes ser tu, com esse doce olhar que me cativou naquele instante, com essas mãos que me tocam e me erguem na mais verdadeira paixão e que compõem as mais bonitas melodias do nosso amor, com essa pele tão tua, tão minha, e com todos os teus segredos e encantos. És tu. Só podes ser tu, porque me escolheste, mesmo sem teres previsto. E porque te escolhi, por um mero acaso e sem intenção.

Mas diz lá que não escolhemos bem, ainda que inconscientemente? Podes dizer-me “fizeste uma boa escolha, amor!”, que eu digo-te que se calhar não havia nada para escolher e que em todas as vidas estaríamos destinados a ficar juntos, a aprender a amar um com o outro, aprender a perdoar, a respeitar, a confiar, a nunca abandonar, a beijar intensamente, a aprender as loucuras do amor e as zangas. Porque só podes ser tu.

Fazes de mim uma Mulher feliz, uma Mulher apaixonada, uma Mulher sonhadora, que tudo o que mais quer é que sejas Tu. Sempre Tu. Tu junto a mim neste caminho, nesta aventura que é a vida. Hoje e todos os dias que ainda estão para existir.

És tu porque só podes ser tu. Porque não faz sentido ser mais ninguém, senão Tu.


PELA WEB

Loading...