Doce e cruel…

Doce…bem doce…feito mel, risadas, muitas risadas…um ilusão de felicidade.. Sereno frio, estou de pé quase nua na espera de alguém que não sei se vai chegar…

Ele não marcou nada eu ao menos nunca o vi na vida, na verdade nem sei se ele realmente vem, mas eu estou aqui todos os dias pronta para recebê-lo, pronta para lhe dar todo o prazer do mundo…

Prazer…hum…prazer…que gostoso, que delicia!! Colocar mais!! Vai!! Tudo mentira!! Porra nenhuma, eu não senti nada… Mas ele sim, ainda saiu achando que era especial…

Vagabunda, piranha, vadia, safada.. Porque não vai estudar?? E esse teu short enfiado na bunda?? Cadê tua mãe menina? Muito comum de ouvir!! “Minha senhora é apenas meu trabalho” “ninguém vai te querer para casar nunca” “mulher do meu filho que tu não vai ser”

5 da tarde acordei.. HM.. Que delicia!! Salão, shopping … Não devo nada a ninguém contas pagas… Me sinto rica e bela, mas calma tem algo faltando… Já esta na hora!!! Iiiiiiii ele veio de novo! 1, 2, 4, 6… Ufa!! Hoje muita gente veio me ver… Mas e o meu amor? Quando será que ele vem?