Custa sabe Deus, custa!

Mais um dia passa e eu perdida. Todas as noites olho as estrelas e meus olhos não seguram as lágrimas. Estou perdida. Não consigo entender a vida e talvez por isso eu sofra. Porque não aceito, não, não aceito e então? O que têm com isso, nada!

Pois quem manda no meu coração sou eu e estou realmente zangada com a vida, com Deus. Sim é verdade e peço desculpa se sou injusta contigo, aquele na qual eu deposito minha fé mas estou cansada, vontade de desistir já é maior do que eu. E eu não percebo porque me tornas tudo tão difícil de lidar.

Eu não me sinto assim tão forte como tu me julgas. Quais são os teus propósitos? Desculpa mas não os consigo decifrar e estou a dar em doida.

Parece que o tempo já se foi, parece que o mundo conspira contra nós dois. Não sei lidar com a distância, ela machuca de mais. É  um fardo muito complicado de carregar…

Custa sabe ver um beijo na rua, um simples abraço, um sorriso…

Custa sabe acordar e não ter aquele bom dia…

Custa sabe aquele beijo antes de sair para o trabalho e aquele outra da chegada…

Custa sabe aquelas discussões que depois acabavam em amor…

Custa sabe aquelas tardes no sofá, mesmo que contrariada em alguma delas…

Custa sabe aquele silêncio ao almoço e ao jantar…

Custa sabe aquele silêncio a todas as minhas conversas intermináveis, que acabavam em queixas e lamúrias …

Custa sabe não ouvir aqueles espirros, que eram sete no total…

Custa sabe não poder ser a chata do costume e que no fim de tudo só queria um pouquinho de atenção…

Custa sabe não ter aquela presença essencial nos aniversários…

Custa sabe porque qualquer festa perdeu a graça…

Custa sabe não vê-lo ao meu lado a dormir mesmo quando o filme está no começo…

Custa sabe sentir saudades de tudo isso, do mais simples toque, do mais simples sorriso, do mais interminável dos meus desabafos e até das discussões…

Pela primeira vez na vida admito sentir inveja. Sim inveja!!! Quando vejo cada pessoa ao meu redor ter tudo isso e eu não… sim fico sem chão, fico sem forças, fico numa tristeza interminável…

Custa sabe saber que o meu sorriso já não é mais completamente verdadeiro…

Custa sabe porque falta alguém que me completa…

Custa sabe porque só quando tudo isso nos falta é que nós aprendemos a dar valor…

Desculpa Deus mas estou tão desapontada contigo e não me leves a mal porque eu sei que és tu que me seguras e aquele pequeno anjinho que colocaste ao meu encargo, a minha pequena filhota!

Custa sabe Deus, custa!!!

PORJoana Brito
Partilhar é cuidar!

PELA WEB

Loading...