Custa-me tanto amar-te…

Porque amar-te é tão complicado… Uma luta constante, fazer com que todos os dias sejam especiais a teu lado e não cairmos na rotina.

O quão maravilhoso é olhar para ti e saber que sou eu a mulher dos teus olhos, brincarmos e rirmo-nos como se o mundo fosse nosso… Saber que sempre irás cuidar de mim como desde o primeiro dia.

Mas nem todos os dias são assim… Há dias em que não acredito em nada. Não consigo acreditar no teu “Amo-te”. O passado vem à cabeça e com isso o medo de te perder, da traição e da ilusão. As nossas discussões e implicâncias… Que fazem com que o único pensamento na minha cabeça seja “Eu não aguento mais!”. Quando parece que te tornas tão irritante que perco a vontade de falar ou estar contigo.

Quantas vezes pus o orgulho de lado. Quantas vezes abracei te com vontade de ir embora…  Olhar-te nos olhos e pensar ” Porque me esforço tanto para isto resultar se parece que nunca é suficiente?!”.

Porque?! Porque és tu que eu amo mesmo quando te odeio. Porque fazes parte de mim. Porque és tu que me fazes feliz de verdade. Porque és tu o homem da minha vida.

Porque não vai ser uma discussão de máximo umas horas que vai estragar o que vivemos e ainda temos para viver. Porque apesar de tudo a minha única certeza é que vou amar-te todos os dias da minha vida.

Se custa amar-te? Por vezes, custa muito mesmo… Mas pior ainda era perder-te…

PORSoraia Lopes
Partilhar é cuidar!

PELA WEB

Loading...