Como no primeiro momento…

Nunca me esquecerei de ti…
Não. Nunca me esquecerei do nosso primeiro encontro, do nosso primeiro olhar,
Do que dissemos um ao outro, das coisas sem jeito que nos arrependemos de dizer.

Não. Não me esqueço daquelas noites estreladas em que apenas a noite nos abraçava,
E nos fazia filhos dela. Não. Não me esqueço de nada.
Nem muito menos me esqueço do nosso primeiro beijo,
Um beijo que há tanto desejávamos, pois o tempo não nos quis do seu lado.
Ainda me recordo dos nossos contratempos, dos nossos medos,
Do medo de falhar e de não saber amar, cuidar.

Mas, meu amor, nós superámos isso tudo. Superámos barreiras, muros entre nós.
E hoje tenho o orgulho de te dizer que te amo como no primeiro momento,
Como no primeiro instante em que o meu «eu» passou a ser um «nós».
Já há muito que esperava pela tua chegada, os choros foram muitos,
A solidão ainda maior. E tu curaste tudo. Curaste sem eu pedir.
Deste-me esperanças. Deste-me tudo.
E eu agora apenas te quero…
Para sempre.


RELACIONADOS




PELA WEB

Loading...