Cicatriz…

A cada palavra pronunciada

Reagi com muita fúria

É como uma página virada

Com vaidade e com luxúria.

Cortei as raízes dos sorrisos

Que não tinham razão de ser,

Nem sequer eram precisos

Motivos para o dizer.

Rasguei as fotografias

Que traziam tristes lembranças,

No coração sei que trazias

As minhas humildes esperanças.

Calava os meus desejos

E não dormia para não sonhar,

Desisti até dos beijos

Porque me estavam abafar.

São pedaços de uma vida

Que não sei como viver,

É triste e não esquecida

Que nem sei o que fazer.

A cicatriz que ficou

Carrega dor todo o dia,

E tudo o que por mim passou

Não restou nem alegria.

PORJoana Brito
Partilhar é cuidar!

PELA WEB

Loading...