Casar ou não casar … ?

Casar. Porquê? Como dirá muito boa gente “Isso é só um monte de papelada”. Pois. No entanto, já vi muitas pessoas que diziam jamais casar, a casar. A verdade é que, apesar de tudo estar a mudar um pouco no que toca a esta questão, ainda há quem dê valor a este acto. Eu. Sim, é verdade, existe muita papelada pelo meio e, sim, muita gente o faz por dinheiro, mas eu dou valor ao seu simbolismo. Por favor, não me venham dizer “Eu nunca quis casar! Já não se usa…bla”. Só estão a mentir à vossa pessoa. Não acredito na existência de alguém que nunca sonhou entrar na igreja vestida de branco (ou da cor que quiserem), bela e fresca! Todas gostamos desse momento de atenção e sonhamos com ele, pelo menos uma vez na vida.

Digam aquilo que quiserem, é a mais pura verdade. Não sejam hipócritas. Hoje em dia, muitas vezes, o casamento já não simboliza união eterna como acontecia no tempo dos nossos avós (com ou sem amor). Mas eu acredito que ainda possa ser assim para muitas pessoas, pelo simples facto de que eu não casaria se não estivesse 100% segura de que era isso que queria. Não sendo eu bruxa, nada irá garantir que seja eterno, mas o facto de eu saber (e sentir) o que quero, é meio (se não todo) caminho andado para tal acontecer.

Atenção, não sou contra quem não quer casar, muito pelo contrário, acho que devemos fazer somente aquilo que nos faça bem e seja do nosso agrado. Mas por favor…hipócrisia não.


PELA WEB

Loading...