Carta para aquele que me deixou

Sabes hoje é o dia que me arrependo de ter dito certas coisas, de ter dado tudo de mim a uma pessoa que me tratou como eu fosse um “nada”. Mas enfim. Não posso nem quero voltar atrás.

Espero que ainda te lembres daquilo que passamos juntos, as nossas saídas, os sorrisos, os abraços e beijos, mas sobretudo, espero que te lembres das coisas ruins como as discussões, as zangas… Aquelas discussões em que me tratavas mal e eu a ti, ou aquelas que quando eu dizia que estava a perder-te aos poucos, tu dizias que estava a enlouquecer e talvez estivesse, se não, tinha deixado de me importar com merdas daquelas.

Hoje eu tenho uma mágoa que vai diminuindo a cada dia que passa e quando essa mágoa desaparecer vou dar me por vencida e vou estar feliz. Não me procures quando eu já te tiver esquecido, vou limitar-me a mandar-te á merd* . Sim , à merd* ! Tiveste tanto tempo para me procurar e preferiste andar atrás das tuas amiguinhas.

Eras aquela pessoa que eu considerava a minha vida, que eu fazia tudo que fosse preciso por ti e agora?! Onde estás tu? Decidiste escolher o caminho mais fácil e não te atrevas a voltar atrás! Ahhh e fica sabendo que não te vou procurar, a escolha foi tua, portanto deixa de meter nojo!

A minha vida está um lixo, uns morrem, outros decidem desaparecer. Mas te garanto, hoje estou mais forte e podes querer que quando voltares, vai ser tarde demais. Eu gosto de ti, mas primeiro gosto de mim.

As nossas lembranças vão estar sempre presentes, não as vou esquecer nunca… Ainda me lembro da primeira vez que nos chateamos, dava vontade de rir porque aquilo não era de facto uma zanga. Mas eu conseguia sentir a tristeza nos teus olhos. Tu ainda te importavas! Porquê? Porquê que tudo mudou? Foram inúmeras as noites sem dormir e quem me limpava as lágrimas era a minha almofada! Mais ninguém! Achas que me sinto bem?!

Esperei por ti durante muito tempo e talvez ainda esteja à espera. Quando entraste na minha vida, eu nunca pensei que este sentimento fosse tão grande. Agora percebo que esse sentimento nunca foi correspondido.

Agradeço-te pelo prazer e pelo carinho que me proporcionaste, mas agradeço-te ainda mais por me tornares mais forte.

Até um dia.

PORMarta Cunha
Partilhar é cuidar!

PELA WEB

Loading...