Carta ao Pai Natal!

Querido Pai Natal desta vez não escrevo só para te pedir, desta vez não quero presentes banais, supérfluos, não necessito de coisas que não me acrescentam e nem me valorizam, desta vez apenas preciso desabafar, preciso apenas do teu ombro amigo.

São muitas as tempestades que passam na nossa vida, são muitas as confusões que pairam em nossa cabeça, são muitos os motivos que nos levam à tristeza e ao desespero mas queria apenas poder libertar o meu coração destas intermináveis lutas que todos os dias trava em busca de um sentido para tudo na vida.

O mundo está confuso, não distingue o bem do mal, todas as razões que nos levam a agir desta ou daquela maneira estão distorcidas, queixamo-nos constantemente em vez de agradecer só o simples facto de estarmos vivos, pois essa deveria ser a razão principal para deixar para trás essas lutas inglórias pelo poder, pelo ser melhor que este ou aquele.

Bom seria se apenas tentássemos sermos melhor que nós mesmos a cada dia, sem pisar em ninguém.

Querido Pai Natal apenas quero que me escutes o coração que está cansado de estar cansado, que por entre a tua casa rodeada de neve e que sentado ao pé da lareira consiga aquecer o coração do mundo lá fora.

Espero que tragas a paz às mesas deste Natal, que recheies seus pensamentos de bem e que consiga presentear os corações com o verdadeiro amor.

Espero que todos aqueles que dormem ao relento consigam sentir o corpo aquecido pelo poder de um generoso abraço.

Espero que a guerra termine com bombas de alegria e peitos rejuvenescidos com o poder do verdadeiro altruísmo.

Espero que escutes as mentes mais perturbadas pelo mal e que as suavizes com o mais profundo arrependimento para que elas possam um dia saborear o bem.

Espero que encurtes a distância para aqueles que se vêem forçados a viver longe dos seus para que possam receber um beijo mais caloroso.

Espero Pai Natal que não viajes no teu trenó ao redor do mundo sem o regares com o mais puro brilho das estrelas para que todos possam finalmente enxergar o seu próximo como um igual, como um amigo.

Querido Pai Natal devolve a paz ao mundo e faz com que ao redor do Pinheirinho não estejam apenas prendas banais mas que o amor que as cerca seja de tal forma poderoso que as possa tornar muito mais especiais.

Ajuda Pai Natal para que as pessoas vistam o manto do respeito e consigam amar o próximo com o peito mais aberto.

Querido Pai Natal são simples as minhas palavras mas inteiras de significado e tudo o que te peço é que sentado ao pé da lareira aqueça esta carta com carinho para que os desejos nela escritos possam chegar a todo o lado.

Pai Natal o Mundo precisa de ti pois se deixarmos morrer a criança que habita em nós o mundo perde o seu mais puro significado, por isso neste dia não esqueças que tudo o que precisamos é de um cantinho recheado de paz e amor.

Bom Natal!

PORJoana Brito
Partilhar é cuidar!