Caminho … passo a passo!

Caminho … passo a passo
E vou para onde o coração me indicar.
De onde venho , não me recordo
Mas sei que lá não quero ficar.

Na mala trago um espaço vazio
Pois não havia nada que eu quisesse guardar
Perdi tudo e não trouxe nada ,
Nem uns trapos para me agasalhar.

A noite vai ser fria e dura
Mas bem melhor que lá estar
Consegui pôr fim a um pesadelo
E procuro voltar a sonhar.

É difícil permanecer num ninho
Onde os pássaros parecem não mais cantar,
Porque é que haveria de ficar numa casa
Onde já não me consigo encantar.

Preciso continuar a fugir
E nem o tempo me vai conseguir agarrar.
Sem relógio, nem horários para cumprir
Vou fazer o que quero e sem medo de errar.

É de dia se o sol brilhar
É de noite se o luar me encantar.
Que mais preciso saber
Para nesta nova vida me orientar?

Não posso estar mais parado
E a minha caminhada eu preciso continuar …
Da despedida do mar , fica a areia
Da minha despedida, fica o que ficou por contar …

(Foto : Rui Moura)