Bom dia meu bem!!!

Aprendi a ter paciência.
Sim, nada é mais triste que uma mulher desequilibrada.

Não que eu fosse desequilibrada, mas você às vezes me tirava o juízo, literalmente. Hoje sei respirar dez, vinte, cem vezes se for preciso antes de responder uma afronta. Não é que eu sempre esteja certa, ninguém está sempre certo…

A verdade do meu ponto de vista não está tão errada assim.
Se pra você omitir é mentir, então pronto eu menti, não, não só menti, eu neguei. Sabe quando a gente tem medo de perder o que ama?

Pois é, tive medo do seu julgamento. Você sempre tão certo, tão cheio de razão, tão dono de si.

Todos nós erramos e acertamos, nunca somos totalmente certos ou completamente errados.

Mas no fundo, no fundo dos seus olhos, via muitos espaços, espaços vazios, solitários… Se me escolhestes para preencher esses espaços, me sinto privilegiada, pois vejo sinceramente um brilho a mais quando seus olhos cruzam os meus.

Quando estou em seus braços sinto-me tão bem que não necessitaria de mais nada desse mundo, teu sorriso, teus olhos e teu cheiro pra mim já são suficientes…

E pra ser sincera, o teu “BOM DIA MEU BEM” me causa arrepios, salivação, emoção… Sinto-me a mulher mais feliz do mundo…


PELA WEB

Loading...