Aqueles tempos foram cor de rosa…

Aqueles tempos foram cor de rosa. Um rosa suave, ténue, mas não menos bonito que os outros mais fortes. Posso ser um pouco desajeitada com as palavras, mas vou tentar encaixá-las devidamente uma vez na vida.

Ele era tudo o que eu queria ter. Era o meu melhor amigo, mas ao mesmo tempo era o maior chato que se pode imaginar. Mas, como vivemos numa realidade que não a cor de rosa, dão-se acontecimentos menos bons. Tudo na vida tem um fim. Julgo que tal história não merecia um desfecho tão trágico, mas nem tudo é como se quer.

Gostava de te agradecer por tudo, mas as palavras fogem-me. Por isso apanha bem estas: Obrigada por teres confiado em mim, por me teres feito princesa e rainha, e principalmente por me teres feito sentir amada como nunca antes. Foste absolutamente fantástico, mas a vida não é justa. Espero que saibas que te adoro incondicionalmente apesar de tudo.