Amo-te com todas as minhas forças…

Não precisas de estar sozinho…

Isto não me sai da cabeça. Isto não me sai da cabeça desde o momento em que me tocaste,
Em que me puxaste para fora do mar e cuidaste de mim sem eu pedir.

(Como é bom ser cuidado por alguém sem ter de o pedir…).
Talvez tudo isto me tivesse tirado a vida, mas tu deste-me tudo aquilo que eu sempre quis.
E que eu próprio não conseguia encontrar em mais ninguém.

Agora, voltei a respirar. Sentir? Só sinto e penso em ti.
Posso não te conhecer, mas é como se me pertencesses para sempre. Desde sempre.
Não me perguntem se isto é amor. O que sei eu de amor?
Não é muito prematuro falar em amor? Mas porque raio estou eu a pensar nisto?

Talvez esta espera, em que as lágrimas me caíam todos os dias, terminou.
Agora, tenho uma razão para continuar aqui. Estou do teu lado.
Sei que o meu lugar é do teu lado. E pouco nada importa.
Apenas que… se isto é amar…
Eu amo-te com todas as minhas forças.