A tua janela …

Passei agora junto à tua janela
E parei discretamente a olhar .
Tinha esperança de te ver
Queria tanto os bons dias te dar .

Olho novamente para cima …
Sem ti estou prestes a enlouquecer !
Estás em tua casa agora ?
Ou só chegas quando anoitecer ?

Finjo que me esqueci de algo
Para depois atrás eu poder voltar .
Procuro com urgência um sinal teu
Preciso muito o meu coração confortar.

Já afastado … mas ainda olho para trás
A esperança é a última a morrer .
O cortinado parece desvendar o teu rosto
Mas é só o vento que o fez mexer .

Será esta a tua janela ?
Ou eu estou a olhar para a errada ?
Procuro sem encontrar …
Onde estás tu minha amada ?


PELA WEB

Loading...